Oração na Presença

17:02 Felipe Betim 1 Comentários


Pai, que Tu abras os meus olhos, para que eu enxergue na escuridão do meu ego.

Que os Teus caminhos me mostrem os meus caminhos.

Que a Tua sabedoria seja incorporada dentro de mim.

Que eu possa ver o Teu amor por todos os cantos, em todas as coisas, em todas as pessoas.

Que eu seja mais paciente, para assim compreender que Tu me mostra aquilo que preciso através das situações que me forçam a sê-lo.

Que nas noites frias, o Teu amor me aqueça.

Pai, que Tu toques minha consciência com discernimento, para que eu saiba sempre o que fazer nas horas difíceis.

Para que eu saiba sempre como lidar com as pessoas que eu ainda não consigo suportar.

Para que eu me desapegue da paixão, e me apegue no verdadeiro amor pelas pessoas e coisas, para que assim eu as liberte.

Pai, Grande Arquiteto do Universo, conceda-me um pouquinho da Tua compreensão, para que eu me entenda com sinceridade.

Conceda-me paz para viver meus dias com mais calma e sabedoria.

Permita que eu me torne pequeno diante do amor,

Menor ainda diante do perdão,

E grande perante ao meu ego.

Que a Tua essência seja a Minha essência, em espírito e verdade,

E que eu me lembre sempre de agradecê-lO pelas coisas boas que acontecem para mim, e também pelas ruins, pois hoje eu entendo que os caminhos da vida, é só Você quem conhece..

Com muito amor no coração eu Te agradeço, por me mostrar tudo isso, todos os dias.

P.s.: Dedico estes escritos à Grande Mãe-Pai do universo, que gerou a tudo por Seu ventre de luz e que continua a nos amamentar com Seu amor pelos seios da vida.

Muito obrigado, muito obrigado, muito obrigado!

Você pode gostar também

Um comentário: