Afinidades Com a Vida

04:06 Felipe Betim 2 Comentários



As afinidades são o que juntam os seres humanos. Ninguém fica perto de alguém, sem que antes tenha havido uma atração de ideias, desejos, gostos em comum etc.

De fato, somos atraídos e atraímos o tempo todo (e repelimos também). Tudo nesse universo é movido em base às afinidades, pois semelhante sempre atrai semelhante. Mas não é apenas por coisas tão “materiais” que somos atraídos. Num campo onde alguns ainda não enxergam, as atrações são muito mais sutis.

Você já notou que quando não está bem começa a atrair tudo de ruim e o seu dia começa a dar muito errado? Esses são aqueles famosos dias onde vocês dizem que acordaram com o pé esquerdo da cama! E isso é tão sutil que na maior parte das vezes nem notamos o por quê de estarmos atraindo tantas coisas ruins num mesmo dia.

Isso é simples! Da mesma forma como somos atraídos pelas afinidades em comum com outras pessoas, também na vida atraímos aquilo que estamos vibrando no momento. Por exemplo, se você está vibrando alegria, amizade, prosperidade e outros sentimentos positivos, certamente será o foco dos mesmos e será apenas isso que atrairá no seu dia. Agora, se estiver atraindo problemas, reclamações, sentimentos de injustiça, raiva ou outras negatividades, também será apenas isso que atrairá pro seu dia (que provavelmente será péssimo).

Atente que o que eu quero lhe dizer com essas linhas é que a forma como você lida com a vida o faz atrair afinidades com ela. É como se a vida todos os dias fosse uma pessoa diferente, na qual se aproxima de você da forma como estão suas afinidades hoje.

Cabe apenas a você fazer do seu dia um dia de paz, harmonia e positividade, pois é você quem atrai as afinidades com esse tipo de vida.

E agora, o que você está atraindo?

Alegria e paz, sempre!

2 comentários:

Templo Pessoal

18:24 Felipe Betim 0 Comentários


Existe um lugar que ninguém além de você, neste universo, pode adentrar. Ninguém pode mexer, ninguém pode interferir no curso. É um lugar especial, único. É aonde geralmente vamos quando nos sentimos tristes e é só onde ficamos quando sentimos alegria.

Este é o seu santuário particular. A sua alma, espírito, ou seja lá como queira chamar. Independente do nome, é onde nos conectamos com algo superior, é onde temos acesso a todas as respostas que precisamos encontrar, é onde encontramos o significado da existência, e é onde o amor maior reside.

Você é centelha divina, sabia?! Sabia que dentro de você ardem os sentimentos mais profundos do universo, e com estes, todos os dons de Deus? Sabe por quê? Porque você também é Deus! Ele te fez à Sua própria semelhança. Ele te criou para que criasse, para que voasse além dos véus da razão e ouvisse cada vez mais a voz do seu templo interior, pois Ele vive em você.

O Todo está em tudo, e você também faz parte desse tudo. Imagine, ao olhar para o céu estrelado que cada uma dessas estrelinhas carrega Deus por dentro. Imagine que cada planeta, cada constelação, cada plantinha, cada grão de areia, tudo carrega um Ser só.

O homem cria distinção, mas a natureza teima em mantê-lo único. Ela nos ensina que na hora do sofrimento, não existem raças nem credos, pois todos se unem. Ela nos ensina que todos os bichinhos são filhos do mesmo Pai, por isso eles se respeitam e seguem seu curso natural.

Por que então só nós, o bicho-homem é que não segue tais leis?

O homem se encobriu num mar de ego, esqueceu de quem era, fugiu de seu propósito principal, sabotou o próprio santuário interior e hoje em dia nem sabe mais quem é. Vive à mercê do tempo, automaticamente, deixando que a vida o conduza apenas. Não sacou ainda que ele tem o poder de Deus, para criar o que quiser, para fazer de sua vida um mar de bem-aventuranças.

Ah, eu sei que um dia todo homem irá entender o que ele realmente é, pois ele é divino, e tudo o que é divino volta à sua origem, cedo ou tarde, pois o tempo de Deus é outro.

Mas tudo começa com uma escolha. Se você escolher encontrar dentro de você o Deus que engenhou tudo isso, irá parar de olhar só para cima, de rezar ou meditar para algo que você acha que está além de você, irá parar de curvar-se e verá que Ele está num simples cair de folhas, num sorriso, no brilho de um olhar.

Verá Deus refletido no espelho que olhar pela manhã quando for escovar os dentes. E ao mesmo tempo verá a si mesmo, como realmente é.

Seu santuário pessoal é sagrado. E quando entrar novamente nele, entenderá do que estou falando.

Muito amor e paz em sua jornada, e que encontre dentro de você a luz que o mantém vivo.

0 comentários:

Noite Escura da Alma

04:16 Felipe Betim 1 Comentários



Em certos momentos de nossa vida, nos deparamos com aquelas “noites escuras da alma”, onde ficamos à mercê do tempo, esperando por algo que nem sabemos o que é, mas que não nos faz sentir bem, de forma alguma. São nesses momentos que a vida pede que nos interiorizemos, deixando de lado as pessoas e até o mundo. É quase que apenas você só com você.


Muitos não compreendem o que se passa nesses momentos e podem achar que não são bons o suficiente, se põem pra baixo, escutam o que não deveriam escutar, se irritam com facilidade e passam a colocar a culpa de tudo o que acontece de ruim nos outros e em Deus. Talvez sintam-se até abandonados por Ele.

São nestas noites escuras, que a vida pede introspecção. São nesses momentos que precisamos entender tudo o que deixamos para trás, inacabado, dentro de nós mesmos. São nessas horas, que o silêncio forçado nos toma por completo e então somos obrigados a achar alguma coisa.

Uma resposta, um alívio, um abraço, uma caridade.. cada um passa por algo, a sua maneira. Mas esse caminho pode ser complicado se não pararmos e olharmos por dentro. Pode ser um caminho mais longo e mais doloroso. Depende de cada um. Depende da disponibilidade que cada um der à esse momento, pois muitos estão ocupados demais com o que acontece em volta e nem se preocupam com o que está dentro.

A alma, meus queridos, anseia por sua atenção. Ela é o que te move, ela é o que te faz ser feliz, o que te faz ter prazer nas coisas, o que te traz prosperidade, o que te traz alegria. A alma cuida de você ou o adoece (quando você se desequilibra). A alma é poderosa, e você nem dá valor a ela, não é? Aliás, você sente ela aí? Consegue fechar os olhos e sentir que tem algo pulsando de alegria dentro de você, bem lá no fundo, atrás de todas as porcarias que você enfiou na mente?

Pois é, se você buscar bem irá encontrá-la, porque ela não muda. Ela está sempre alegre e tentando te colocar pra cima. Portanto, ouça-a! Pois ouvindo-a, você faz a noite escura se tornar ensolarada com a luz do teu coração.

Se são respostas que precisa, busque-as. Pare de viver automaticamente, aguardando que algo irá cair do céu pra você porque foi um(a) bom(a) menino(a) durante o ano... Nada cai do céu, meus caros. Nada! Tudo vem por mérito. Então, se você não está bem e não está onde gostaria de estar, pare de culpar a vida como se ela fosse a causadora dos seus problemas. Foi tudo mérito seu, então se quiser sair dessa tramóia que sua mente armou pra você, mereça. Faça por onde. Vá além do que está aí, escute a voz do seu coração e não das pessoas.

Uma noite escura da alma pode se tornar a maior claridade da sua vida, pois é ela quem te faz ver de verdade quem você é nesse momento.

Busque. Não sofra sem sentido. A vida é mais, então viva a partir de agora!

1 comentários:

Como Se Relacionar Com As Pessoas II

19:29 Felipe Betim 1 Comentários



Pessoas me impressionam. Aliás, eu mesmo me impressiono com a forma como mudo constantemente. Já reparou que nunca é o mesmo? Que todos os dias está diferente – triste, mais contente, mais alegre, irritado, estranho..?

Pois é, digam o que disserem, somos seres mutáveis. E penso que isso seja um dos grandes desafios para que possamos conviver bem com as pessoas.

Vivemos numa sociedade que definitivamente não conhece a si mesma. Onde as pessoas conhecem muito mais sobre os outros do que a si próprias, e ainda assim querem fazer com que suas complicações sejam culpa de seus parceiros, familiares, amigos etc., mas dificilmente delas.

Penso que um passo muito importante para tornar um relacionamento relacionável, deve ser a aceitação: a pessoa é do jeito que é e eu a aceito assim como ela é. Assim como eu sou do jeito que sou e me aceito da forma como sou, independente de nossos defeitos e qualidades.

Aceitar a si mesmo a as pessoas que estão a sua volta é a maneira de ver o mundo como ele é de verdade, sem tirar nem pôr nada. Nós temos a mania de querer buscar as benditas perfeições em tudo e é aí que eu lhe pergunto, perfeição pra você é aquilo que estão te vendendo na televisão, revistas ou internet?  Pois para Deus tudo é perfeição, não concorda? Afinal Ele criou tudo.. então até uma barata é perfeita sob essa visão.

O perfeito, ou a ideia de perfeição é uma criação humana. É algo que nos faz consumir, dar dinheiro às grandes indústrias e apenas isso. É uma criação nossa, do nosso ego.

Perfeito seria você sentir-se feliz com seu parceiro, aceitando-o como ele é – com todas suas qualidades e defeitos .

Relacionar-se com os outros não é tão difícil assim. Eu sei que cada um tem algo de diferente e que algumas pessoas são “difíceis de engolir”, mas crie desde já o parâmetro em sua mente de que se é você quem está se irritando com os defeitos dos outros, então o problema é seu e é você quem deve corrigi-lo. Ponha isso em prática e verá como as pessoas mais difíceis se tornarão o oposto daquilo que imaginava!

E mais uma vez repito, aceite. A aceitação é a chave para muitas coisas boas em nossa vida. Então, se você quer construir bons relacionamentos, aceite o próximo, assim como ele é, e verá que também irão te aceitar mais.

Entenda, tudo é perfeito como é.

P.s.: Para ler a primeira parte deste texto, basta acessar o seguinte link: http://sinonimodeoutono.blogspot.com.br/2012/11/como-se-relacionar-com-as-pessoas.html

1 comentários: