Zona de Conforto

16:27 Felipe Betim 1 Comentários


Não sei se já reparou, mas os medos têm um grande poder sobre nós. São eles que bloqueiam nossos caminhos, que tiram nossa prosperidade, que acabam com relacionamentos afetivos e até familiares. Os medos nos fazem não conseguir avançar, e criam barreiras psíquicas poderosíssimas sobre nós e nossa vida.

Note se alguma coisa em sua vida não está indo bem. Agora, tente entender o por que. Tente avaliar se realmente você não está conseguindo um trabalho novo por medo de não ser bom suficiente; repare se não está mais conseguindo manter um relacionamento saudável por estar preso na zona de conforto, por não estar buscando nada diferente, e por aí vai. São inúmeras as possibilidades, mas certamente a maior parte delas engloba o medo, a zona de conforto.

Na zona de conforto, sentimo-nos (como o próprio nome já diz) mais confortáveis. Sentimos que daquele jeito tudo está bom, por pior que esteja. E isso é puro medo! Podem ser traumas passados, raivas ou amarguras, que nos seguram e impedem que mudemos, que tomemos atitudes positivas com relação a nossa vida, seja em que campo for.

Saia da sua zona de conforto! Pois ela apenas o faz se estagnar na vida. O faz uma pessoa mais negativa e deprimida. E mesmo que não perceba, vai se retraindo cada vez mais. Vai se enclausurando dentro daquilo que você acha que é bom para você, mesmo sentindo que não é, e assim fica cada vez mais difícil que você saia dela.

Mas sempre há uma saída. Comece já a ter mais pensamentos positivos. Não perca tempo reclamando das pessoas e das situações, e sim, faça alguma coisa! Impeça que a zona de conforto lhe faça uma pessoa que só sabe falar, ofender e criticar. Pois se notar bem, verá que as pessoas de maior sucesso são as que não tem tempo para fofocas, para reclamações ou qualquer coisa que denigra a imagem dos outros e das situações. As pessoas de sucesso enxergam sempre a si mesmas,  às situações nas quais estão inseridas, e agem! Não têm medo da mudança.

Seja você uma dessas pessoas e comece a mudar agora. Comece vigiando seus pensamentos e pondere: será que eu penso mais nos outros , ou penso mais em mim, em minha evolução e crescimento em qualquer área da vida? Se a resposta for a segunda, ótimo! Continue assim, pois nada vai impedir que consiga o que deseja da vida. Se foi a primeira, não desista nunca de si e enfrente seu medo de olhar para dentro. Mude já, pois assim passará a enxergar mais claramente aquilo que não condiz com sua felicidade, e conseguirá saber quais são seus medos e em que zona de conforto está.

Fique com a paz, e aprenda a entender cada vez mais claramente o que a vida quer de você.

Você pode gostar também

Um comentário:

  1. Top! FÊ! Muito bom! Totalmente dentro do que tem acontecido ultimamente, rs... não só comigo, mas com pessoas ao meu redor. E até o convívio com essas pessoas pode nos deixar assim, com medo de arriscar, pois inconscientemente absorvemos o medo delas.

    (Alê)

    ResponderExcluir