Sinto Falta

04:03 Sinônimo de Outono 0 Comentários


Sinto falta de ser eu.
Sinto falta de me expressar livremente por entre os meus traços de carvão.
Sinto falta dos meus pais, de conversar mais com o meu irmão.
Sinto falta de ter uma mente mais livre de preconceitos.
Sinto falta de simplesmente não me importar em ser como eu fui criado pra ser pela sociedade..
Sinto falta de sorrir mais, de correr mais, de entrar numa piscina de bolinhas!
Sinto falta de ter um colo materno pra dividir minhas frustrações. Que pena que nunca tive essa coragem!
Sinto falta de ser mais completo de mim,
De me achar rico sem ter dinheiro algum, só meus bonequinhos!
Ah, como sinto falta de brincar com eles sem medo de ser julgado, de inventar minhas histórias..
Hoje eu sinto falta de muitas coisas, e me vi num lugar que antes não me permitia ver: no humano que habita em mim. Naquele humano que permite o fluir de suas emoções, que permite a livre manifestação daquilo que é!
Hoje eu finalmente olhei pra tudo isso, e principalmente, admiti pra mim mesmo o que eu sempre tive medo de admitir: que eu sempre quis não sentir falta de nada, que eu sempre quis me desapegar de tudo por medo..
Há! Como eu gosto de mentir pra mim mesmo! Mas ao mesmo tempo estou também respeitando esse meu jeito, o que não quer depender de ninguém, o que não pode mostrar as dores, afinal, foi ele que me ajudou a ser forte, e principalmente a entender agora que eu na verdade não nasci pra buscar a liberdade no mundo, mas dentro de mim mesmo.
Gratidão por eu poder sentir tanta falta de coisas boas que se passaram, e por hoje poder lembrar de tudo isso com carinho, e não pesar.
Eu aceito, eu entrego, eu abraço, eu agradeço.

*  *  *

P.s.: Eu gravei o vídeo mais sincero que já fiz em toda a minha vida. Desabafei. Me desmascarei. Não menti mais. Dói admitir essas coisas, dá medo, mas isso faz parte da minha transformação interna.
E que esse vídeo possa te tocar também de alguma forma. Pra assistir é só clicar aqui.

Página do Face | Palestras e vídeos | E-mail: sinonimodeoutono@outlook.com

Você pode gostar também

0 comentários: